Cufa, Marmita Solidária e Capela São Vicente foram contempladas

Depois de um ano da pandemia, as consequências sociais e econômicas para a população que vive em situação de vulnerabilidade social estão se agravando. O desemprego e a fome estão assolando as famílias. Nesta perspectiva, o Projeto Auditor Cidadão fez doações num total de R$ 15 mil para serem distribuídas cestas básicas, refeições prontas além de auxílio com infraestrutura, por meio de quatro instituições de forte atuação social. Receberam as doações a Central das Favelas (Cufa), a Marmita Solidária, a Capela São Vicente de Paulo e um grupo comunitário.

Karla Barradas da Fonte, que atua no Projeto Auditor Cidadão, explica a importância da ação. “Nessa hora crítica, doar é muito importante. É muita fome, muitas perdas e tristeza com a pandemia. Então, a gente tem que olhar em volta e fazer algo que esteja ao nosso alcance para ajudar. Considerando que somos uma categoria muito privilegiada, o mínimo que podemos fazer é doar para dar dignidade a quem não tem nem o que comer”.

A maior doação foi para a Central Única das Favelas (Cufa), que recebeu R$ 8 mil para 170 cestas básicas nas comunidades Via sul 1 (próximo à Avenida Sul); Vietnã; e Condor (em Peixinhos, localizado na divisa com Olinda). Para quem não conhece, a Cufa é uma organização não-governamental, oriunda das favelas do Rio de Janeiro, e que atua em todo o país. É reconhecida nacional e internacionalmente, funciona há 20 anos e já recebeu diversas premiações. A presidente da entidade em Pernambuco é a educadora social Altamiza Melo.

A Marmita Solidária recebeu do Auditor Cidadão R$ 3,8 mil. A entidade surgiu há 1 ano em Pernambuco, exatamente para auxiliar pessoas no contexto de pandemia, somando mais de 500 mil marmitas distribuídas para as pessoas em situação de rua do Recife. A ação é uma iniciativa da Campanha Mãos Solidárias, junto com diversos movimentos populares, e nasceu no Armazém do Campo do Recife.

A terceira doação, no valor de R$ 2,5 mil, foi para ajudar na construção de um Centro de Apoio, no terreno da Capela São Vicente de Paulo, no Ipsep. O espaço servirá para auxiliar pessoas que vivem em situação de rua e está sendo projetado para ter banheiros, vestiário, refeitório e sala de apoio. “O Projeto Auditor Cidadão doou para a construção do banheiro”, explica Karla da Fonte. A última doação, no valor de R$ 700 foi para comprar 10 cestas básicas para as comunidades Rachão (Vera Cruz); Jardim Teresópolis; Tabatinga e Bairros dos Estados, em Camaragibe.

Aniversário Solidário da PCR também fará doações de cestas

A Prefeitura do Recife lançou a Campanha Aniversário Solidário para arrecadar cestas básicas para a população em situação de vulnerabilidade social, neste momento crítico da pandemia da covid-19. A arrecadação vai até dia 16/4.

A Secretaria de Finanças também participa da iniciativa, juntamente com o Sindicato dos Fazendários do Recife (Afrem Sindical) e o Projeto Auditor Cidadão.

Para facilitar os auditores que estão no home office e queiram doar, o Projeto Auditor Cidadão está disponibilizando uma conta para depósito. 

Os dados bancários estão disponíveis no grupo dos associados do Afrem e foram enviados por e-mail para todos os associados.

Participe desta campanha de solidariedade na pandemia!

....................................................................
Redação: Andréa Pessoa
Fotos: Cufa / Marmita Solidária

#Pandemia
# AuditorCidadão
#PCR
#AfremSindical

 

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Rua Prof. Andrade Bezerra, 64 | Parnamirim
Recife – PE | CEP: 52.060-270
Tel.:(81) 3441-6044
afremsindical@afremsindical.org.br