Johns Hopkins University, Worldometers e OMS são fontes científicas confiáveis

Para entender o momento atual da covid-19 no Brasil e no mundo, sua evolução e casos fatais, há uma infinidade de notícias e até fake news. Por conta do excesso de informações, muitas pessoas ficam sem saber se os números divulgados de mortes e contaminações da covid-19 são reais ou fictícios.

Para tirar essa dúvida, pesquisamos sites de prestígio científico, que fornecem informações em tempo real sobre o avanço da doença.  Apesar do volume de informações, os sites abaixo possuem linguagem gráfica simples, na qual qualquer pessoa pode entender.

Johns Hopkins University  - Pesquisadores da Johns Hopkins University criaram e atualizam diariamente um painel online que rastreia a disseminação mundial do surto do coronavírus no endereço https://coronavirus.jhu.edu/map.html .

Para quem não sabe, especialistas da Johns Hopkins atuam em saúde pública global, doenças infecciosas e preparação para emergências. Eles estão na vanguarda da resposta internacional ao covid-19. O projeto é apoiado pela Bloomberg Philanthropies e pela Stavros Niarchos Foundation (SNF).

Worldometers  - O site da worldometers é referência mundial na área de estatística. Divulga, como o nome já diz, as métricas do mundo. A plataforma internacional é colaborativa, alimentada por programadores, pesquisadores e voluntários. O endereço para as informações sobre a covid-19 pode ser acessado no link: https://www.worldometers.info/coronavirus/#countries. Os dados são coletados da Organização Mundial da Saúde e de governos, além de artigos científicos e textos jornalísticos publicados sobre o tema.

OBS:O site não se restringe à covid-19. Também divulga números em tempo real sobre população mundial, nascimentos e mortes no mundo, dados econômicos, sociais, tecnológicos etc. Estes dados estão disponíveis no link https://www.worldometers.info/ .

OMS - O site da Organização Mundial de Saúde no link https://covid19.who.int/ é uma fonte confiável, mostra a situação global da doença, com sua evolução e faz comparativos entre os continentes sobre a contaminação da covid-19. Além disso, fornece dados sobre países especificamente.

Google Notícias Covid - O Google, maior plataforma de buscas da internet, disponibiliza no link https://news.google.com/covid19/map  , um mapa animado que além de números globais, apresenta a situação das vacinas no mundo, sua evolução a cada dia.

Bing - Na plataforma, desenvolvida pelo buscador da Microsoft, o internauta pode acompanhar a progressão dos casos da COVID-19 no Brasil e no mundo, com possibilidade de filtrar por países, mostrando casos ativos, recuperados e mortes. O link é  https://www.bing.com/covid  .

Conass: Criado pelo Conselho Nacional dos Secretários de Saúde (Conass) do Brasil, o site é atualizado diariamente com a situação da covid-19 no Brasil. A plataforma detalha informações sobre o total de casos e óbitos acumulados, além de dados sobre a taxa de letalidade, mortalidade e incidência da infecção respiratória no país e nos estados da federação. A fonte é as próprias secretarias de saúde dos estados.  https://susanalitico.saude.gov.br/extensions/covid-19_html/covid-19_html.html#/dashboard/

...............................................................
Redação e edição: Andréa Pessoa

Imagem: Site Johns Hopkins University

#covid-19
#pandemia;
#AfremSindical

 
 

Rua Prof. Andrade Bezerra, 64 | Parnamirim
Recife – PE | CEP: 52.060-270
Tel.:(81) 3441-6044
afremsindical@afremsindical.org.br